Recent Post

segunda-feira, 23 de outubro de 2017



Conto de Gustavo do Carmo

Entrou na nave da Igreja da Glória. Linda em seu vestido de seda indiana, decorado com cristais Svarowski importados diretamente da Áustria, renda grega e véu de um quilômetro de comprimento. Shaiane estava se casando com um bilionário goiano de família libanesa e iria se mudar para São Paulo depois da lua de mel na Dinamarca.
0

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

João Paulo Mesquita Simões







O meu Amigo e filatelista Mário Paiva, publicou este artigo no seu blogue, que passo a transcrever:

No dia 27 de Outubro o Clube Filatélico de Portugal comemora os seus 74 anos de existência, pois foi nesse dia do ano de 1943 que foi aprovado a Alvará do Governo Civil de Lisboa, da criação do clube, embora as reuniões para a sua formação tenham começado muito antes. Foram muitos os nomes de coleccionadores dessa altura que foram os sócios fundadores, e entre eles estava Dias Ferreira, um dos grandes nomes da filatelia portuguesa.

No dia 28 deste mês o Clube Filatélico de Portugal celebra este aniversário com a realização do "10º Troféu Comendador Dias Ferreira", uma mostra filatélica de "Um Quadro", em que os coleccionadores presentes vão expor as suas colecções e trabalhos filatélicos. Neste mesmo dia haverá o jantar comemorativo do aniversário, onde serão entregues as medalhas de 50 e 25 anos de associados, os "Selos de Ouro" e os Diplomas de participação no "Troféu Comendador Dias Ferreira", um jantar que se realiza no Hotel Travel Park, em Lisboa, bem perto da sede do clube, como vem sendo hábito nos últimos anos. O programa e menu pode ser consultado no site que deixei aqui no texto.

Acabou de chegar o «Boletim do Clube Filatélico de Portugal» nº 455/456, referente a Março/Junho, uma publicação gratuita para os sócios. Está como sempre uma publicação de grande qualidade, com vários artigos de história postal e especializados, de que destaco «Correio Aéreo de Moçambique - O avião "Moçambique" do Aero Clube de Lourenço Marques», de Eduardo Barreiros e Luís Barreiros, o «Correio marítimo brasileiro in Memorian de Paulo Comelli», de Luís Frazão, «O mistério das Reimpressões, denteado 11 1/2 ditas Reimpressões de 1900», de Claudino Pereira, e «Os carimbos ovais do correio registado 1852-1970's», de Paulo Rui Barata, entre outros artigos de grande interesse. 









0

terça-feira, 17 de outubro de 2017


“Bom dia a todos!... Hã? Não posso falar bom dia? Por que não? Ué, mas qual é o problema se a pessoa não estiver ouvindo isso de manhã? Ah, para com isso. Deixa de pegar no meu pé. Eu quero falar bom dia. Eu gosto de desejar um bom dia para as pessoas. Olha só: Tenha um ótimo dia! Não é bom?”

“É lógico que é. Mas...”

“Tá, tá bom, eu falo olá. É que olá é tão sem graça. Olá. Olá... Você está me entendendo? É tão nhé, sabe? Ah, deixa, vai... Por favor... Não mesmo? Eu não quero saber. Vou falar bom dia! Pega esse teu olá e enfia no--”


Conto de Lucas Beça
0

segunda-feira, 16 de outubro de 2017


 Decidida, Clara ligou para a amiga geneticista e confirmou:

— Geni, eu decidi. Vou fazer aquela inseminação mesmo. Tá confirmada! 
— Ok, minha amiga. Não vou nem perguntar se você tem certeza. Só uma coisa: e quando ele perguntar pelo pai?
 
— Ah, Geni, isso eu ainda não sei. Digo a verdade, ou apresento um rapaz qualquer. Ah, sei lá! Agora eu só quero mesmo ser mãe.
 
— Está bem. Então, amanhã você aparece aqui às nove.
 
— Combinado.

0

quinta-feira, 12 de outubro de 2017


João Paulo Mesquita Simões






 A Região Autónoma, a Madeira é considerada um jardim, situada a sudoeste de Portugal.

Composta por duas ilhas povoadas Madeira e Porto Santo, ainda tem outras cinco de nome Desertas e Selvagens, uma, sazonalmente habitada.

0

terça-feira, 10 de outubro de 2017


Dois rapazes estão sentados em uma mesa almoçando. O primeiro olha para o outro e diz:

“Então, é aquilo que eu estava te dizendo, cara... Dor é para os fracos. Quebrei a perna duas vezes, mas estou aí...”

O segundo olha para ele e diz:

“Pois, é. Você é forte, e eu sou fraco. Sabe por quê? Porque eu fujo da dor”, dá um sorriso amarelo. “Parabéns, fortão! Se quebra todo, mas continua aí, firme e forte.”

O primeiro faz cara feia.

“Idiota”, diz baixinho.

Eles voltam a comer.


Conto de Lucas Beça
0

segunda-feira, 9 de outubro de 2017


Manguinhas
Botou as manguinhas de fora. Fez o maior sucesso no desfile de moda.


Vestido grená
A vizinha quando passa com seu vestido grená... não acontece nada. 

0

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

por dudu  oliva





1

quinta-feira, 5 de outubro de 2017


João Paulo Mesquita Simões










5 de outubro de 1910.


José Relvas, da varanda da Câmara Municipal de Lisboa, proclama a República, terminando assim a Monarquia em Portugal.


Quem foi José Relvas?

0

terça-feira, 3 de outubro de 2017


Fui tentar jogar bola. Me botaram no gol.


Meu celular quebrou e eu estou postergando comprar outro.


No dia que eu me aposentar, vou comprar uma máquina de fazer sorvete.


Dou abraços em todo mundo. Queria que alguns fossem mais longos.


Acerto uma, erro duas. É a vida.


Li um livro que não queria ler. Tenho que fazer isso mais vezes.


Por Lucas Beça
0

Arquivo do blog